Trabalhe em parceria e ganhe mais oportunidades de negócio

Trabalhar em parceria tem sido um dos trunfos mais utilizados por muitos setores do mercado afim de ampliar os lucros e as oportunidades de negócio. Nesse sentido, podemos citar programas de afiliados, diversos tipos de trabalhos que vem surgindo na internet, e no mercado imobiliário, existe o “fifty” entre os corretores.

Muito se fala sobre a prática do fifty, e existem pessoas que são contra e pessoas que são a favor dessa prática, porém, sabemos que ela é muito comum entre os corretores, mas é necessário chamar a atenção para alguns quesitos essenciais para evitar confusões e problemas em relação a esse método de parceria.

Sendo assim, através de acordos bem acertados, a prática de fifty pode ser muito interessante, uma vez que a partir de um ou mais parceiros é possível gerar ainda mais oportunidades de negócio, onde o trabalho em conjunto pode ser muito mais vantajoso, ainda que com a comissão dividida, do que o trabalho sozinho do corretor, que as vezes demorará mais tempo para conseguir encontrar e fechar bons negócios.

Mas o que é a prática do fifty, afinal?

O fifty ocorre quando dois corretores atendem o mesmo cliente, quando repassam o cliente para o segundo corretor, ou ainda quando indicam um cliente para outro corretor. Nesse caso, a comissão é dividida entre os dois corretores, sendo 50% de comissão para cada um, salvo se houver um outro acordo diferenciado.

Nesse sentido, muitos corretores iniciantes acabam se surpreendendo quando ganham uma indicação, fecham o negócio, e ao receberem sua comissão percebem que ela está pela metade. É bom saber que essa prática é muito comum entre os corretores e que ao invés de acreditar que ela pode prejudicar pela divisão dos ganhos, pensar que ela pode aumentar consideravelmente os ganhos quando parcerias são firmadas.

Trabalhe em parceria e ganhe mais oportunidades de negócio

A importância das parcerias

Sendo assim, as parcerias são muito importantes e representam mais uma forma de levar corretores ao sucesso em suas carreiras, uma vez que com bons contatos e boas trocas de clientes e negócios entre si é possível ampliar o leque de oportunidades, onde se você possui um cliente que acha mais adequado para o seu parceiro, você poderá repassar o cliente para ele e acordar o valor de 50% na comissão (ou outro valor acordado por vocês), e caso ele tenha algum cliente mais adequado para você, o acordo funcionará do mesmo jeito.

Mas afinal, quais são os ganhos reais em fazer esse tipo de parceria?

Os ganhos reais dessas parcerias se fazem pelo fato de que se você possui clientes mais adequados para outros parceiros e seus parceiros tem clientes mais adequados para você, a chance de fechar negócios aumenta muito, e dessa maneira, você e seu parceiro terão mais negócio a serem fechados, e ganharão comissões em conjunto. Sem uma parceria e trabalhando sozinho, as possibilidades de fechar um negócio são menores uma vez que a quantidade de oportunidade de negócios cai. Sendo assim, o principal objetivo das parcerias é aumentar a quantidade de oportunidades de negócios, aumentando então a possibilidade de ganhos. 

Cuidados a serem tomados na hora de fechar uma parceria

Trabalhe em parceria e ganhe mais oportunidades de negócio

As parcerias são ótimas maneiras de garantir mais oportunidades de negócio, porém, é importante que alguns cuidados sejam tomados em relação ao parceiro escolhido, a comissão acordada e o melhor momento para iniciar uma parceria.

Sobre a comissão: Como sabemos, o fifty funciona de maneira que as comissões são divididas ao meio, ou seja, 50% da comissão para cada corretor envolvido na transação. Nesse sentido, só podem ser acordados valores diferentes, se eles realmente forem acordados anteriormente, caso contrário, vale a regra dos 50%.

Combinar a comissão é extremamente importante antes de iniciar a parceria, uma vez que os corretores envolvidos devem estar cientes dos valores para evitar confusões e manter a parceria entre eles saudável.

Sobre o parceiro: Escolher um bom parceiro para ampliar seus negócios é essencial, uma vez que o trabalho agora passará a ocorrer em conjunto. Nesse sentido, a pessoa escolhida deve ser de sua confiança, deve ser alguém com quem você goste de trabalhar e conversar e que tenha métodos de trabalho parecidos com o seu, ainda que o perfil de vocês dois sejam diferentes. É essencial que a pessoa escolhida para a parceria saiba o que está fazendo, uma vez que ela receberá bons clientes apontados por você, e elas deverão ter a capacidade de conseguir levar a negociação em frente, fechando contratos.

Sobre o momento de iniciar uma parceria:  Você já escolheu seu parceiro de confiança, vocês já acordaram valores, mas ao aparecer um cliente em potencial, qual é a melhor hora para propor uma parceria? É recomendado que uma parceria seja proposta logo no início das negociações, uma vez que o seu parceiro poderá lhe ajudar logo no início com este cliente, ou então, você poderá ajuda-lo logo no início, evitando que todo o trabalho fique para apenas uma pessoa e que as comissões sejam divididas igualmente, criando um cenário injusto. É necessário ter em mente que em uma parceria os dois corretores deverão trabalhar em conjunto, e que ela funcionará como uma sociedade.

Ética e boas maneiras com os clientes e com os parceiros

Sobre ser claro com o cliente: O cliente deve saber que você contará com um parceiro para ajudar no atendimento e na negociação. Ainda que o cliente não precise autorizar ou não a presença de uma terceira pessoa na negociação, é importante ser transparente e claro quanto a isso, transmitindo confiança ao cliente e deixando claro que agora em relação a dúvidas e questionamentos ele poderá contar com qualquer um dos dois corretores disponíveis. Com maior confiança e com dois corretores a sua disposição, existem mais chances de que aquele cliente feche o negócio.

Como agir diante da parceria: Trabalhar em parceria não é apenas repassar um cliente para o seu parceiro (ainda que existam casos de indicação onde o fifty também é permitido), mas uma parceria de verdade acontece quando os dois corretores parceiros trabalham em cima daquela negociação. Nesse sentido, se um corretor acredita que não poderá atender aquele cliente durante todos os dias necessários, ele então recorre a um parceiro que dará continuidade nesse atendimento, ocorrendo então um acompanhamento do caso feito pelos dois corretores, e um revezamento entre eles.

Nesse sentido, o cliente passa a estar sempre em evidencia, sendo sempre atendido quando é necessário, e as chances de fechar o negócio aumentam consideravelmente, uma vez que além de aumentar a quantidade de negociações, as parcerias também agilizam todas elas.

Sendo assim, a parceria é muito importante para a ampliação de negócios, para agilizar as negociações, e também para melhorar o relacionamento com o cliente, trabalhando com sua fidelização, uma vez que os dois contadores parceiros deverão trabalhar juntos em um ótimo atendimento e também no pós-venda, fase também essencial.

Invista em parcerias boas e duradouras e amplie seus lucros e oportunidades de negócios!

 

Comentários

comentários