Amazing discover

Auto-confiança é fundamental para qualquer corretor. Antes de acreditar no valor do imóvel que irá apresentar ao cliente, você precisa acreditar em si mesmo e em sua capacidade de fechar o contrato. Autoconfiança é algo que se contrói ao longo da vida, e é baseada, entre outros fatores, na autoimagem, a maneira como percebemos a nós mesmos. Já é senso comum que não adianta que o mundo diga que você é capaz de fazer algo, a menos que você também acredite nisso.

No entanto, muitas vezes, a maioria como nos vemos não parece combinar com a que os outros percebem. Ou o seu cliente parece ter um modelo de como um corretor deve falar e comportar-se que você parece nunca atingir com perfeição. Para que esse conflito não comprometa a sua produtividade, é preciso que você esteja atento a alguns fatos:

Coloque-se no lugar do outro

A primeira coisa que não se deve fazer é encarar a opinião dos outros como algo definitivo, negativo e irrecuperável. Assumir uma posição defensiva ou competitiva não irá ajudar você a alcançar os seus objetivos. Coloque-se no lugar do outro e pense como você se sentiria e reagiria diante da mesma situação. Pode ser que você não só descubra que faria o mesmo, mas também irá entender o porquê daquela pessoa ter reagido daquela forma em particular. Todos nós temos estereótipos na cabeça e nos deixamos levar por eles sem perceber –  um deles é como deve se comportar um corretor, um médico, advogado, etc.

Busque feedback

A melhor forma de descobrir como os outros nos vêem é buscar feedback. Peça aos seus clientes para avaliar a sua performance, desde o atendimento inicial até o fechamento do contrato. Isto pode ser feito em forma de questionário ou mesmo durante uma conversa informal. Sempre que possível, peça que uma outra pessoa, capacitada para tal e imparcial, conduza essa coleta de dados, já que poucos terão coragem de dizer certas coisas diretamente a você. Prepare-se para ouvir críticas e a aceitá-las de forma construtiva e, também, a acreditar e aceitar elogios.

Transforme-se e adapte-se

Diante dos fatos, transforme-se ou adapte-se. Você não precisa se tornar outra pessoa, mas, talvez, precise buscar novos conhecimentos e habilidades. Algumas características são essenciais para quem quer ter sucesso como corretor – tais como ser um bom negociador e comunicador – e você não terá alternativa senão incorporá-las. Outra opção é contar com um sócio ou colega que tem habilidades diferentes das suas e atuar de forma complementar: um conquista o cliente, o outro mostra o imóvel, por exemplo.

Comentários

comentários