A necessidade de cobrir diversas áreas e a demanda em fornecer serviços com um algo a mais, fazem do setor imobiliário um dos que mais usam recursos tecnológicos hoje em dia. Esta dependência das tecnologias disponíveis tem levado muitos profissionais do setor imobiliário a se familiarizar rapidamente com as várias formas disponíveis de maximizar o tempo e de construir negócios e, assim, atrair novos clientes, vendedores e investidores.

Abaixo está a lista das Top-5 tendências recentemente:

1. Mapeamento de projeção

Esta técnica projeta imagens em uma fachada, para mostrar diversos tipos de mudanças, transformando edifícios em uma tela gigante para visualização de determinado conteúdo. Isto é particularmente útil para lançamentos e eventos, quando a construção estiver concluída. Mapeamento de projeção também pode ser uma ótima ferramenta para mostrar a transformação do piso térreo de varejo. E o grande diferencial do mapeamento de projeção é que a criatividade está inteiramente à sua disposição.

2. Drones Helicópteros

Mesmo que haja uma grande polêmica em termos do uso comercial de drones, ao mesmo tempo em que aviões não tripulados tornam-se amplamente disponíveis, alguns agentes imobiliários começaram a usar drones para vender, convidando potenciais compradores para visitas aéreas de propriedades rurais e áreas urbanas. Drones também pode fornecer vídeos mostrando o progresso ao longo de uma linha de tempo de construção ou de vídeos panorâmicos 360 graus, e para mostrar visualizações de apartamentos ainda não construídos.

3. Sensores Beacon

Sensores Beacon, como iBeacon da Apple, disparam alertas para dispositivos móveis em estreita proximidade a determinados lugares ou objetos. Por exemplo, um cliente em busca de um imóvel residencial pode passar sem notar por uma lista de anúncios disponível em uma janela do escritório imobiliário. Mas, se esse comprador ficar por lá tempo suficiente, o iBeacon pode emitir um alerta, perguntando se ele ou ela gostaria de assistir a um curta de animação, ou visualizar um panorama de 360° a partir da cobertura. A tecnologia usa Bluetooth de baixa energia e oferece aos comerciantes uma enorme oportunidade, se a plataforma puder ser executada adequadamente.

4. Realidade aumentada 3D (RA)

A RA pode ser incorporada de várias maneiras ao marketing imobiliário. Em primeiro lugar, de forma semelhante aos beacons, potenciais clientes podem acessar informações sobre a propriedade que está à venda, acessando placas de “à venda”. Em segundo lugar, a tecnologia oferece a potenciais compradores uma experiência realística, bastando apenas colocar seu dispositivo móvel sobre a brochura da propriedade para ver sua futura casa ganhar vida diante de seus olhos. RA pode ser usada em quase todas as fases de uma construção, e é por isso que é tão excitante na sua utilização aplicada ao mercado imobiliário. Empresas como Augmented Pixels têm uma vasta experiência na criação de soluções RA que podem satisfazer às necessidades de cada incorporador ou corretor de imóveis.

5. Artigos de uso pessoal

Além da realidade aumentada, há ainda mais ferramentas interativas que podem ajudar um potencial comprador a se tornar interessado por um lugar ou mais confortável para tomar uma grande decisão. Essas ferramentas incluem óculos e capacetes, como Samsung Gear VR e Oculus Rift, assim como software baseados em gestos, como o usado no Xbox Kinect, onde voz e movimentos do corpo de uma pessoa pode mudar o que ela vê e ouve em uma tela. Essa mesma tecnologia cinética leva a realidade virtual a um novo nível, permitindo que os consumidores potenciais andem em um espaço, experimentem-no, troquem de pontos de vista ou de andar, e explorem como se estivessem fazendo isso a pé.

Esperamos que você tenha achado útil esta visão global das tecnologias que são tendência na gestão imobiliária. Por favor, deixe um comentário abaixo com a sua experiência pessoal em marketing imobiliário e que tecnologias provaram ser mais úteis para você!

 

Fonte: augmentedpixels

Comentários

comentários